Rafael Burity –  UX/CX Manager na Ben Visa Vale

Acredito que a grande dificuldade que muitos encontram ao montar o portfólio está relacionado a necessidade de mudança de modelo mental que tínhamos quando apenas construíamos com foco no visual.

Hoje a característica essencial em um portfólio, para mim, é o storytelling. É o quanto o designer mostra sua capacidade de contar uma estória com estrutura, começo, meio e fim. Sabendo qual objetivo e o que deseja passar para o recrutador.

Outros aspectos vão depender muito de cada vaga. Então, temos outra visão minha que é buscar entender para que empresa está aplicando e o que eles veem de valor.

Mostrar o processo seguido e que conhece as ferramentas é muito importante, além claro de que resultado foi gerado com todo o processo. Quem participou, o que fez, a relação com outras áreas e profissionais mostra que sabe navegar, negociar e trabalhar em equipe, sem precisar usar o clichê.

Algo que me encanta é saber mostrar suas falhas. Contar um case de fracasso e aprendizado pode ser um diferencial.

E uma preocupação que todo candidato tem que ter é quem vai ver os jobs. Porque se for alguém de RH a percepção pode ser diferente de um especialista.


Rafael Burity é UX/CX Manager na Ben Visa Vale, professor e palestrante